Será que esse é o momento certo para comprar imóvel ou é mais vantajoso esperar a entrada de 2019? Com a recente estabilização da economia, muita gente está se perguntando isso.

Segundo os especialistas, antecipar a compra de seu imóvel pode render benefícios. Mas se for preciso aguardar alguns meses, talvez o prejuízo não seja tão grande. Veja, abaixo, o porquê.

Porque essa é a melhor hora para comprar imóvel?

A recuperação do mercado imobiliário

A crise que assolou o Brasil nos últimos anos e a alta taxa de desemprego derrubaram drasticamente a venda de imóveis. Isso fez com que os preços entrassem em declínio.

Porém, o respiro da economia e a decisão do cenário político, devolveram a confiança ao consumidor e o mercado imobiliário voltou a ficar aquecido. Segundo dados divulgados pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), houve um aumento de 17,3% na venda de imóveis durante o segundo trimestre de 2018.

Em consequência desse aumento, os preços dos imóveis pararam de cair e a tendência é que, no próximo ano, voltem a subir. Portanto, esse é o momento ideal para encontrar os melhores valores.

Mudança no crédito imobiliário

Em meados de julho, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou a medida que eleva o teto para financiamentos utilizando recursos do FGTS como entrada ou amortização na compra de imóveis. O novo valor limite, de 1,5 milhões de reais, passaria a valer para todos os Estados brasileiros apenas a partir de 1º de janeiro de 2019. Porém, o governo decidiu antecipar o início da vigência para novembro de 2018.

Portanto, o novo teto já e está em vigor e beneficia, principalmente, quem procura imóveis nas grandes capitais, onde os preços são mais elevados.

Essa mudança refere-se a financiamentos realizados conforme as regras do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), a juro máximo de 12% ao ano e correção monetária pela TR.

Ofertas de fim de ano X Décimo terceiro salário

Para todo o comércio, o final do ano é o momento de aproveitar o recebimento do décimo terceiro salário pelos consumidores e liquidar estoques. Nas incorporadoras de imóveis isso não é diferente.

Mesmo com o aumento nas vendas, ainda restam muitas unidades de prédios novos a serem vendidas. E, nos últimos dias do ano, não é difícil encontrar promoções de diversos tipos, como festivais de venda, ofertas de brindes no momento da compra, e o melhor, oportunidades para a negociação de valores.

Quem estiver com o dinheiro na mão para dar uma boa entrada, conseguirá fazer excelentes negócios. Então, se puder, vale mesmo a pena aproveitar o décimo terceiro.

E se eu deixar para comprar meu imóvel em 2019?

Planejamento financeiro

O início do ano sempre vem acompanhado daqueles inúmeros impostos dos quais ninguém escapa. Por esse motivo, há quem prefira não assumir novas dívidas ao final do ano, nem utilizar os recursos do décimo terceiro salário para outras finalidades, para não comprometer o planejamento financeiro da família.

Contudo, é preciso pesar os prós e os contras e analisar as oportunidades para tomar a decisão mais acertada.

Economia em ascensão

As projeções para a economia brasileira em 2019 são otimistas. A queda na recessão e o controle da inflação concederão ao consumidor uma maior segurança em seus investimentos. E esse é um ponto muito positivo para quem deseja esperar o ano que vem para comprar um imóvel.

A partir de fevereiro de 2019 as incorporadoras deverão disponibilizar mais lançamentos aos seus clientes. Mas é preciso lembrar que o aquecimento da economia beneficiará, também, o mercado imobiliário e, mesmo que gradativamente, a tendência é de reajuste no valor dos imóveis com o passar dos meses.

Em resumo, tudo indica que é melhor comprar imóvel agora do que esperar o próximo ano. Quer aproveitar essa oportunidade com uma imobiliária que já está no mercado há mais de duas décadas? Entre em contato conosco e saiba as oportunidades que temos para esse final de ano!